é só mais letras.

quarta-feira, 28 de março de 2012

Para Amanda S.

Perdoa-me pequena, perdoa-me por ter ficado tão longe enquanto você estava crescendo.
Perdoa-me por não perceber o quão bonita você ficou e nem como começou a chamar tanto a atenção dos garotos. Eu sinto muito se, nesses últimos meses, a minha dor tomou tanto meu tempo ao ponto de nem ao menos termos tido uma conversa.
Percebe agora o quanto estamos distante? Percebe o que a gente deixou o tempo fazer? Veja só você toda linda, agora já crescida sorrindo pro mundo e vivendo como se eu não lhe fizesse falta, eu lhe faço alguma falta? A mim você faz e não é só nos finais de semanas ou nas sextas-feiras vazias... É todos os dias. É quando eu acordo e não posso te ligar para pegar carona no caminhão do seu pai para ir a escola. É quando minha casa fica grande demais sem a sua bagunça nas quartas-feiras a noite. É quando respirar torna-se um desafio e tudo que eu preciso é de suas piadas e dos seus sorrisos.

Disseram-me que você cresceu... Que criou alguns planos e desistiu de alguns dos nossos sonhos. Mas eu não, eu ainda to aqui sonhando com o dia que tudo voltara a ser como antes. Eu ainda to aqui esperando seu abraço, teu sorriso ligeiro e todos os seus sonhos que sonhou comigo. Eu ainda me lembro do plano de ficarmos solteiras pra sempre, e de morar juntas. Lembra como acreditávamos fielmente nisso? Lembra quando escolhemos o apartamento que moraríamos? Lembra pequena? Eu me lembro de tudo, cada detalhe, porque mesmo que eu nunca tivesse sido sua melhor amiga, foi com você que eu pude compartilhar tudo!

Mas hoje, veja só, você tem amigas novas. E quem diria, não é, você tem um namorado! E infelizmente eu sou egoísta demais para lhe desejar sorte ao lado dele, porque estas longe dos meus olhos tristes. Desculpe-me por não saber dividir sua amizade. É que ela é tão preciosa pra mim que sou demasiadamente egoísta e não sei partilhar tamanho tesouro.

Uma nota: Sei que não sou, e provavelmente nunca serei tão especial pra você como você é para mim. Mas tenta entender uma coisa, nem todos que estão do teu lado querem seu bem. Pequena, quem ama espera, respeita e não julga!

Com um aperto no peito causado pela distancia,
Alinne Ferreira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se for para falar: '-Legal aqui, estou seguindo!'
Vai por mim, não precisa.

Obrigada a quem acompanha